Tartaruga olivacea Lepidochelys olivacea

Le Lorem Ipsum est simplement du faux texte employé dans la composition et la mise en page avant impression. Le Lorem Ipsum est le faux texte standard de l'imprimerie depuis les années 1500, quand un imprimeur anonyme assembla ensemble des morceaux de texte pour réaliser un livre spécimen de polices de texte. Il n'a pas fait que survivre cinq siècles, mais s'est aussi adapté à la bureautique informatique, sans que son contenu n'en soit modifié.

  • Estatuto de conservação
    Estatuto de conservação

    blab vsc e ds sdf sdf ds fsd f

  • Habitat
    Habitat

    blab vsc e ds sdf sdf ds fsd f

  • Distribuição
    Distribuição

    blab vsc e ds sdf sdf ds fsd f

  • Tamanho
    Tamanho

    blab vsc e ds sdf sdf ds fsd f

  • Peso
    Peso

    blab vsc e ds sdf sdf ds fsd f

Description

A Calhandra do ilhéu raso é uma ave terrestre com envergadura de 12 a 28 centímetros, encontrada unicamente na reserva natural de Cabo Verde, embora tenha outrora feito parte da biodiversidade de Santo Antão, São Vicente e de Santa Luzia. O seu peso médio é de 24g para os machos e 20 para as fêmeas. Elas constroem os seus ninhos em buracos do solo onde poem em media 2 ovos por ano.

Segundo a União Internacional para a Conservação da Natureza (IUCN) a Calhandra do raso encontra-se em risco crítico de extinção. Apesar de adaptada ao ambiente desértico, as suas populações flutuam drasticamente em resposta às chuvas sazonais. No ano de 2004 os seus efetivos estiveram drasticamente reduzidos, onde apenas em 2010 subiram para mais de 200 indivíduos. Os seus ninhos terrestres são naturalmente alvo de predação pela osga gigante do Raso (Tarentola gigas, gigas), uma outra espécie endémica do ilhéu, que é particularmente alta em alguns anos.

Action de Biosfera

A biosfera vem contribuindo para a sua preservação graças ao crescente desenvolvimento de técnicas de monitorização através de anielagens e recolha de dados biométricos (asa, bico, peso e tarso) permitindo de melhor conhecer seus hábitos alimentares, seu habitat, e a sua biologia.

    • Nome científico: Alauda razae (Alexander, 1898)
    • Repartição Global: Ilhéu do Raso
    • Estatuto de conservação: em perigo crítico
    • Regime alimentar: Bolbos e plantas perenes e de alguns insetos
    • Curiosidades:

Ajudar as nossas taratarugas marinhas

Ajuda as tartarugas pequenas a descobrir o mar

Donativos
Facebook
Twitter
YouTube
Instagram
pt_PTPortuguês
en_GBEnglish (UK) pt_PTPortuguês