Tem um animal em perigo?

  • Home
  • Tem um animal em perigo?
Aves

Para uma ajuda eficiente, é imperativo ter alguns cuidados:

  • Use uma toalha para cobrir e agarrar uma ave marinha ferida;
  • Nunca as agarre pelas asas, mas sim pelo corpo todo;
  • Transporte-as em caixotes de cartão fechados e com buracos de arejamento;
  • Mantenha-as quentinhas e num local calmo e/ou em silêncio;
  • Se o animal estiver agitado coloque-o num local escuro para ajudar a tranquilizá-lo;
  • Idealmente mantenha o contacto ao mínimo;
  • Nunca alimente as aves marinhas, porque o animal está em stress e pode gerar asfixia;
  • Nunca dê água a uma ave marinha! Elas não bebem água, porque a retiram diretamente dos peixes que comem;
  • Para o sucesso da recuperação, é importante contactar a Biosfera o mais cedo possível (+238 231 79 29)!
//www.biosfera1.com/wp-content/uploads/2019/06/143U9196-tortue-blessée.jpg
Tartarugas marinhas

Se se deparar com um animal perdido, preso nas rochas, em redes e até mesmo ferido, é importante ter um mente os seguintes cuidados:

  • Mantenha-a protegida do sol, ou caso não for possível, cubra-a com um tecido húmido (uma toalha), ou molhe-a frequentemente com água do mar;
  • Se aparentemente saudável, deve tentar devolvê-la ao mar o mais depressa possível;
  • Caso a encontre emaranhada numa rede de pesca (ou outro material) mas sem ferimentos, use uma faca ou outro material cortante para libertá-la gentilmente;
  • Se o animal estiver ferido, pode contatar de imediato através da Linha Verde SOS Tartaruga São Vicente 800-1234 ou pelos seguintes contatos: Polícia Nacional (132); a Polícia Marítima (+238 2326475, 9919173-Comandante Pedro Lopes); Instituto do Mar (IMAR) ex. INDP (9579500, 9525281-Bióloga Sandra Correia) e/ou a Biosfera (+238 231 79 29).
Facebook
Twitter
YouTube
Instagram
pt_PTPortuguês
en_GBEnglish (UK) pt_PTPortuguês